segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Casamento de Aline e Rafael

Cerimônia: Igreja Santa Margarida Maria e Recepção: Clube Naval Piraquê




Esta semana foi a vez da Aline e do Rafael.

O príncipe Rafael aguardava a princesa Aline em sua farda de gala com espada e tudo.

Às 20h 30min em ponto, ela chegou num belo vestido branco e com uma linda tiara de swarowsky.

Os dois são dentistas da Marinha e para não deixar dúvidas, a cerimônia do casamento foi encerrada com honras militares e cruzamento de espadas .

É bonito!

Sempre me faz lembrar dos contos de fadas .



foto: Fredo

Afinal, o que são as celebrações de casamento tal qual produzimos hoje senão um bom retrato das cenas finais das histórias que ouvimos quando crianças,não é?

A equipe do Studio Fredo foi a escolhida para registrar tudinho em foto e filme e algumas das fotos que vocês estão vendo aqui (as que estão com crédito) já são uma provinha do material deles.




foto: Fredo


Tudo começou no horário e a festa não atrasou nem um minuto da hora combinada.

Bom assim, né?

Os buffets tem sido rigorosos com o tempo de festa e descontam mesmo os atrasos.

Atrasou...pronto ! Festa reduzida.

Enquanto todos se acomodavam no salão, os dois fizeram uma sessão de fotos no deck e aline arrasou no charme .

Olha só esse flagrante dela brincando com o véu que voava na brisa agradável da noite deste sábado.












A noiva me pediu rosa.  Lá fui eu.

Primeira providência, decidir cores coadjuvantes para contracenar com o rosa de forma que o resultado não fique infantil ( o rosa é uma cor para se ter esse cuidado!).

Segundo passo...
O clube tem algumas restrições.
 Uma delas é que nada pode ser fixado no teto, colunas, vidros ou sancas.

Isso impede que qualquer coisa seja feita na parte mais alta do salão, "achatando" todo o desenho decorativo do layout na parte baixa.


Nada de lustres, velinhas penduradas, forrações ou cortinas.

Essa restrição também complica  a execução de um projeto de iluminação muito elaborado.

Afinal, todos os focos terão que vir de baixo.

Como elementos decorativos não voam (rs) precisamos fazer sempre um grande exercício para equilibrar o resultado.
foto: Fredo


O primeiro que eu fiz, foi criar um painel para dar fundo a mesa de doces, todo estruturado em madeira que se encaixasse nas medidas da parede de entrada evitando a necessidade de fixação.

O paisagismo também foi desenvolvido de forma a ajudar na sustentação da estrutura.

foto: Fredo


Palmeiras locubas de 3 metros de altura apoiavam o eixo central do painel que recebeu reforço lateral com as composições de pleomélias variegadas e buchinhos.
  
Para o entorno, onde as duas paredes principais são de vidro, usei podocarpos com iluminação de foco aberto.
 A tal história... se a montanha não desce até Maomé , Maomé terá que subir até a montanha. (rs)




Foto:Fredo
Todas as mesas de convidados ganharam arranjos altos .

Para resolver o problema da falta de oferta física para fixação dos trilhos de iluminação aérea e não querendo abrir mão dela, coloquei grades brancas entre plantas oranamentais simulando um jardim .

Nelas foram fixadas as estruturas. Mãos francesas foram estruturadas também no painel dos doces para a complementação dos suportes.

Outra grande missão: clarear o ambiente .
O rosa não é exatamente a melhor cor para criar luminosidade.  Então, entraram em cena também o branco e o verde cana.

Fechando o conjunto, sousplats de espelho que multiplicam a luz.




Aline foi uma noiva muito tranquila.

Além de escolher o bolo e a cor principal da festa só se ocupou de mais um detalhe em nosso brieffing: a toalha dos convidados.

Ela me passou um email com a foto de uma toalha que tinha gostado.

Era uma toalha realmente linda, bordada tipo rechiliê.


foto: Fredo
No e-mail, um bilhetinho dizendo que a foto era uma sugestão do que ela tinha visto e gostado mas que eu poderia resolver outra coisa, se fosse melhor para o projeto.

Não é uma fofa,gente?!

Não podia deixar de atendê-la.

As mesas de convidados ganharam rechiliê chinês e, de quebra, coloquei laços para os guardanapos também no bordado criando um belo link.




O resultado da festa, foi esse que vocês estão vendo.

...e os convidados foram chegando, chegando... amigos e mais amigos.

A pista abriu com Dancing Queen e foi um sucesso com muito dance music, funk, rock e gente suada.

TVs de Led davam um toque de tecnologia ao cenário provance exibindo transmissões simultâneas direto das câmeras dos cinegrafistas, slide shows de fotos e muita mídia interativa com a pista de dança com video clips, cenas de filmes e de shows. 
















foto: Fredo
Aline e Rafael:

Que o casamento de príncipe e princesa de hoje seja um conto de fadas por muuuuito tempo.

Que a cada dia, um túnel de homenagens cubra vocês como na saída da Igreja e que a cada ano que passe, vocês possam dar uma festa como essa celebrando o amor.

Beijos!

2 comentários:

  1. Eu acho lindo esse corredor de espadas... fica um charme !!!

    Parabéns para os noivos

    ResponderExcluir